Notícias Gerais

Sinpro-Rio esclarece e orienta sobre aspectos da Reforma Trabalhista

07/11/2017


Professor e Professora,

Nos últimos dois anos, enquanto classe trabalhadora, estamos sendo bombardeados por decisões que nos afetam diretamente, e retirada de direitos e conquistas históricas dos trabalhadores, que estão sendo aprovadas por um Congresso Nacional reacionário e conservador, sem qualquer debate com a sociedade brasileira. Foi assim com a reforma do ensino médio e sobretudo, com a lei que congela investimentos públicos para os próximos 20 anos – que reduz investimento em setores estratégicos como saúde e educação. Tudo isto, sem se considerar que, além da reforma trabalhista já aprovada, ainda está pautada no Congresso a ameaça da reforma da previdência.

No que diz respeito a essa perversa reforma trabalhista – a mais nociva a classe trabalhadora, o Sinpro-Rio vem atuando diuturnamente, tanto no que diz respeito ao conhecimento sobre o aprovado, quanto ao processo de orientação à sua base de representação. Estamos fazendo o debate em todos os locais que temos assento, além de nossa participação nas entidades em que o sindicato é filiado. Além disso, nossa assessoria jurídica tem nos dado todo respaldo quanto às ações em curso, e estratégias para um futuro de inevitável embate com o patronato.

No entanto, preocupa-nos informações que vêm sendo divulgadas à categoria por determinados setores, ainda que com as melhores das boas intenções, por induzir a erros de interpretações da lei. Consideramos que o afã de tais procedimentos apenas causa confusão entre os professores e em nada avança.

De nossa parte, enquanto direção do sindicato, cumpre-nos informar que estamos produzindo um conjunto de informações sobre o tema – materializadas agora através do Jornal do Professor, edição de novembro/2017 e que, para seu maior conforto, está postado no nosso Portal Eletrônico.

A Diretoria.

Confira a nova edição do Jornal do Professor.



-