Notícias Gerais

Carta Aberta aos diretores e diretoras de escolas particulares

25/04/2017


Carta Aberta

Prezadas diretoras e prezados diretores de escolas particulares

Estamos vivendo um momento grave para todos os brasileiros.

Nós, professoras e professores que trabalhamos em escolas particulares, também sentimos o impacto das ameaças aos nossos direitos, como na Previdência e nos direitos sociais.

Temos ciência de que o futuro de nossas professoras e professores incidirá diretamente no aprendizado de nossos alunos.

No dia 28 de abril, vamos parar.

Esta paralisação foi aprovada, por unanimidade, em assembleia realizada no Sinpro-Rio, em 17 de abril. A decisão foi devidamente comunicada aos sindicatos patronais.

A paralisação é para dizer que lutamos por uma educação digna e de qualidade.

Portanto, a instituição de ensino que estiver, realmente, preocupada com o futuro da professora e do professor tem como alternativa se sensibilizar com a nossa causa, apoiando a liberdade dos seus trabalhadores em se manifestar contra as ameaças ao seu futuro e, consequentemente, à Educação.

Sinpro-Rio



-